Após surgir a Internet (www.) a velocidade de ter acesso as informações é surpreendente!!! Mas é importante saber “como” pesquisar nesse Universo.

Cada um tem a sua metodologia de pesquisa, principalmente quando você é um pesquisador (researcher), caçador de tendências em diferentes segmentos. Mais conhecido como coolhunting ou aquele(a) pessoa que procura as tendências coolhunter.

Eu particularmente AMO pesquisar as novidades principalmente que estão conectadas com o Japão porque cada detalhe é uma nova informação. Nunca devemos parar de ler, pesquisar, ter o conhecimento de diferentes culturas e principalmente indicar a fonte com os seus devidos créditos. Porque tanto na vida acadêmica como profissional percebi a avalanche de COPY, PASTE sem os créditos, a apropriação do conhecimento de outros autores. Simplesmente assustador. Mas por outro lado Graças ao nosso Google é possível comprovar a verdadeira origem.

Mas nesse quesito de pesquisadora sobre o Japão, confesso que sou apaixonada pelos kimonos (quimonos) japoneses. Esse vestuário visualmente é maravilhoso…, mas vestir um quimono requer coragem e elegância, porque tive a oportunidade de usar um quimono, esse relato é bem interessante porque primeiro eu ganhei um quimono de seda num evento da Associação de Kyoto ( Quioto) de São Paulo e foi esse quimono que usei no casamento da minha prima. No dia eu estava feliz pela primeira experiência em fazer o uso desse quimono. Quando percebi … camadas e camadas que cobria o meu corpo e aperta daqui …aperta dali, fecha com OBI e pensa numa pessoa que está da cintura para cima engessada… foi engraçado para não se dizer elegante! Foram horas…..só sei que entendi o quanto a minha postura estava errada. E o alívio foi no momento quando você tira cada layer de tecido. Ufaaaaa foi uma experiência indescritível. Agora fica pergunta será que vale uma segunda chance em vestir um quimono? Quem sabe? Isso fica para os próximos capítulos…isso só foi um (parêntese).

No you tube encontrei esse vídeo desse Grupo chamado de Strawhatz ( Grupo Norueguês) que fez uma parceria com a dançarina japonesa Koharu Sugawara, a locação foi em Kyoto (Quioto).

Vale a pena assistir! Ah! um detalhe o título é KIMONO.

Strawhatz x TroyBoi x Koharu Sugawara – Kimono

Ecofuroshiki Brasil agradece e uma excelente INSPIRAÇÃO.

Sofia Nanka Kamatani –

Facebook Fanpage: https://www.facebook.com/ecofuroshiki/?fref=ts

Instagram: https://instagram.com/ecofuroshiki/